Search billions of records on Ancestry.com
   

FORÇA AÉREA BRASILEIRA
C-95 - Embraer EMB-110 Bandeirante

fab2289.jpg (49956 bytes)

Um dos maiores êxitos da aviação civil e militar brasileiras, um verdadeiro best-seller, o Bandeirante partiu de um ambicioso projeto do Instituto de Pesquisas e Desenvolvimento (IPD) do Centro Técnico Aeroespacial (CTA) na década de 60, tornando-se o ponto de partida para o incrível sucesso de nossa indústria aeronáutica, tanto no Brasil quanto no exterior. O Bandeirante efetua missões de transporte de cargas leves e de passageiros, além de lançar pára-quedistas em missões de infiltração ou de salto livre. Sua versatilidade permite também a participação tanto em operações de busca e salvamento, quanto para aferir equipamentos dos aeroportos. O R-95, equipado com uma câmera Zeiss, executa missões de reconhecimento fotográfico e aerofotogrametria. Utilizado nas pinturas branca e camuflada, o Bandeirante é presença constante em praticamente todos os aeroportos brasileiros.

VERSÕES DO EMB-110 BANDEIRANTE:

PREFIXO MODELO TIPO
C-95 EMB-110 versão inicial utilitária
C-95A EMB-110P1K versão de carga com asas maiores, motor mais potente e porta de carga lateral
C-95B   versão com motores mais potentes e maior comprimento
C-95C EMB-110P2K versão com melhorias na aerodinâmica
EC-95   missões de calibração de radares e sistemas de navegação
R-95 EMB-110B reconhecimento e aerofotogrametria
SC-95B   busca e salvamento
P-95 EMB-111 modelo derivado do EMB-110 específico para patrulhamento marítimo (vide página especial)

 

 

 

Ficha Técnica

País de origem: Brasil
Fabricante: Embraer
Tipo: Avião de transporte médio
Motores: 2 turboélice Pratt & Whitney, Canadá PT6A-27 de 750 SHP
Desempenho: - velocidade máxima: 452 Km/h
- velocidade máx. cruzeiro: 341 Km/h
- alcance:  1.900 Km
Pesos: - vazio: 3.402 Kg
- máx. decolagem: 5.600 Kg
Dimensões: - envergadura: 14,22 m
- comprimento: 15,33 m
- altura: 4,73 m
- área de asa: 29 m2
Tripulação: 3
Operadores: Brasil, Chile, Gabão, Uruguai, Cabo Verde e Colômbia

 

última atualização em 17/setembro/2006

index

email

Copyright © 2006 - Ordem de Batalha